quarta-feira, 9 de setembro de 2009

9-9-09

Hoje é 9-9-09. Para quem se liga em numerologia, deve simbolizar muito, mas deixo isso para quem entende e curte. Esperemos que não represente o pesadelo das chuvas de ontem, em todo o país, e que mais uma vez pararam São Paulo – o que me impediu inclusive de postar novidades ontem.

Para muitos, o verdadeiro interesse dessa data é o lançamento da caixa remasterizada com a obra completa dos Beatles e de um videogame chamado "The Beatles: Rock Band," da MTV.

Posto aqui o trailer de um filme que se refere à data, mas que só será lançado por aqui no dia 18, ao que parece. É pra quem gosta de animação dark com muita ação, aventura e, pelo trailer, muitos sustos. Retrata um pesadelo pós-apocalíptico em que a humanidade é ameaçada (!!!). Tem vozes de muita gente famosa (vai saber se terá versão legendada em cartaz): Elijah Wood (o eterno Frodo, de Senhor dos Anéis), Jennifer Connely e os veteranos Christopher Plummer, Martin Landau e John C. Reilly.





É hoje, às 21 horas (9 da noite – ah, a simbologia!) o show da Gláucia Nasser, no Projeto Quartas Musicais do Teatro das Artes, no terceiro piso do Shopping Eldorado – Avenida Rebouças, 3.970. Ingressos a R$ 20 (meia-entrada: R$ 10) – Informações pelo telefone (11) 3034-0075.

No Brasil, Glaucia Nasser, reconhecida por Roberto Menescal, Ivan Lins e Nelson Motta, conquistou dois dos quatro prêmios oferecidos às melhores cantoras do Projeto Quartas Musicais em 2008, nas categorias Cantora Revelação e Melhor Música com a faixa "Amor Fugaz", de seu CD autoral, A vida num segundo, que também foi considerado um dos 20 melhores CDs de 2008. Foi uma das artistas selecionadas pelo selo internacional Putmayo para integrar a coletânea Acoustic Brazil, com a faixa “Lábios de Cetim”, de seu primeiro disco (Glaucia Nasser, de 2003) composta por Anísio Dias, música incluída na trilha sonora do belo filme O Visitante, do diretor Thomas MacCartly.



Às 22h10, a TV Cultura apresenta o já clássico programa Ensaio (no ar há quase 20 anos) com a cantora paulistana Virgínia Rosa, que faz parte da vanguarda da música paulistana. No repertório, músicas do belo trabalho em homenagem a Monsueto, sambista, pintor e compositor de inúmeras canções de sucesso como A Fonte Secou, Mora na Filosofia, Lamento da Lavadeira e Bola Branca. Entre uma música e outra, ela ainda comenta que foi uma das primeiras cantoras a interpretar músicas de Chico César. Lembra também da canção À Primeira Vista, grande sucesso do artista. Virgínia iniciou sua carreira cantando na banda Isca de Polícia, liderada por Itamar Assumpção e, mais tarde, participou da banda Mexe com Tudo. Do período em que trabalhava com Itamar, lembra da canção Batuque.

4 comentários:

cg.santos disse...

Como já falei (escrevi), gostei de seu blog. É simpático, claro e bastante agradável. Sem falar dos assuntos que você posta.
Por falar nos assuntos, Beatles 4ever!
Só quero ver quanto vai custar se for lançada no Brasil...

Abração
Claudio

Laila Guilherme disse...

Obrigada, Cláudio. Tenho uma memória que se refere sempre às artes, principalmente à música e ao cinema. Sempre vou relacionar temas da atualidade com uma delas, pois para mim andam sempre juntas... Dê sugestões!
bjs.

Maria Valéria disse...

A voz de Virgínia Rosa é uma delícia!!!

Tia Clara disse...

Laila, tô adorando teu blog... Parabéns de novo!
beijos da Tia Clara/Vi