quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Calma, gente, tem pra todos, sejam fãs de seriados e/ou documentários...

Aos poucos falarei de meus seriados favoritos, e são vários. Law & Order (e seus “filhotes” SVU e Criminal Intent) é apenas um deles. Sou viciada na grife CSI (com seus “filhotes” de Miami – que acho mais fraquinho – e NY). A começar das trilhas com músicas do The Who... Vejo também Criminal Minds e Cold Case.

House: nunca fui fã de seriados sobre médicos e hospitais. Mas o House de Hugh Laurie me pegou. Afinal, é o maldoso que não gosta de ver ninguém feliz; o solitário que afasta a todos até sem querer; o louco que consegue diagnosticar toda e qualquer doença, e que agora está literalmente internado num hospital psiquiátrico. Sem contar que ator e personagem são vidrados no bom rock! Aguardo ansiosamente por sua volta!!




Filmes de videntes: Medium, do Sony (segundas, 21h), produzido pelo talentoso Kelsey Grammer (de Frasier) e com a consultoria da verdadeira Allison Dubois, demorou séculos para voltar. Allyson e suas filhas igualmente videntes estão com a corda toda! Aguardo a volta de Ghost Whisperer, embora tenha desandado desde que o marido da Melinda “ressuscitou”... Mas a polícia ianque não usa só mulheres como videntes: Psych (Universal, domingos, 18h) e Mentalist (Warner - segunda, 22h) também são protagonizados por homens. Só que eles são SUPEROBSERVADORES, e assim vão descobrindo os assassinos. Psych cai para a comédia e Mentalist tá mais pra humor negro... 

Documentários: esses têm tido espaço reservado na minha agenda, no cinema e na TV. Adorei o recente O Equilibrista, sobre um francês que faz cordas bambas (e anda nelas) entre prédios altíssimos, incluindo as então existentes Torres Gêmeas do WTC. Dentre os brasileiros, os musicais andam imperdíveis: Titãs, Simonal, Cartola e Brasileirinho, só para citar uns poucos. O mais recente que vi (ainda em cartaz) foi Homem de Moral, sobre Paulo Vanzolini. Ao final da minha sessão, o povo aplaudiu de pé!! Traz depoimentos dele e de amigos, além do show em sua homenagem, em 2003, que resultou em Acerto de Contas, caixa com 4 CDs da Biscoito Fino, que dá pra ouvir no site da gravadora e está disponível para venda na Saraiva. E os discos são uma delícia!


E lembrem-se: entre os dias 18 e 20, o Canal Brasil exibirá Pedrinha de Aroanda, retratando Maria Bethânia; e Lóki, sobre Arnaldo Batista. 'Pedrinha' vi e adorei. Aguardo 'Lóki' ansiosamente...

7 comentários:

Luis Biason disse...

Yeahh ... People don't changes.
House é o cara, puro roquenrol.

Na boa, depois de toda a série de Arquivo X, esses seriados de videntes não estão com nada.

A Verdade esta la fora.

pituco disse...

oi,lindona,
parabéns pelo espaço...passarei poracá

linkar-te-ei-a ascrusive ao blogdopituco

bacci mille
namaste

Laila Guilherme disse...

Arquivo X tentei ver e nunca consegui, nem a série nem os longas. Essas histórias de videntes, embora se refiram a personagens reais (e consultores que a própria polícia utiliza) tem muito de fantasia e muitas vezes extrapolam. Mas quem não gosta de fantasia? Desde que seja benfeita, claro!!

Luis Biason disse...

Olás!
Aviso aos navegantes, os filmes de Arquivos X não são parâmetros com relação ao seriado que é muito superior e complexo.

Vidente legal é o Psych. rs

Laila Guilherme disse...

Lembrou bem, Luís: O Psych também assisto, mas como está reprisando, até me esqueci dele... Mais legal ainda é o Mentalist, da Warner, que também está em reprise...

Junia disse...

Hehehehe... Psych - Ele se faz de vidente, mas é, realmente, um tremendo observador, graças aos trinos de seu pai, quando era moleque. Ele é hilário!!!! Mistura suas investigações com muito humor e a gente ri muuuuuito!!!!
Todos os Law & Order, CSIs e os House, da vida, são ótimos! Nada como um bom seriadinho... Pena que acabamos nos viciando tanto que os episódios, personagens e artistas dão nó nas nossas cabeças.... hehehehe
Junia

Junia disse...

Errata - onde se lê ... "trinos" ... leia-se "treinos"...